6 Livros sobre o universo transgênero

14:55 Helena Dias 2 Comments

Olá, seus lindos!!!

Hoje, 29 de Janeiro, comemoramos o dia da visibilidade trans. Um dia que marca a luta por direitos e respeito à identidade de gênero, além da constante batalha por uma vida sem preconceitos. 

Então, eu decidi fazer uma lista de livros que falam do assunto. Protagonistas ou não, os transgêneros são parte muito importante nessas histórias e colocam em pauta diversas questões que falam sobre autoconhecimento, a busca pela autoaceitação, amor e como é fundamental o apoio de parentes (principalmente pais e irmãos) e amigos (e como essas mesmas pessoas podem ser destrutivas quando não aceitam a situação).

Os livros que escolhi abordam a identidade de gênero em momentos e épocas diferentes da vida, assim como a maneira com a qual a nossa sociedade (ainda) trata as diferenças com hostilidade e preconceito. Cada uma dessas obras traz seu olhar sobre o tema e ajuda a entender um pouco sobre o universo trans.

Divirtam-se!



EM UMA SÓ PESSOA - JOHN IRVING

Em uma só pessoa é a saga de um homem que viveu todas as possibilidades do amor. Crescido entre a rigidez de costumes de uma pequena cidade e a pessoas que transcendiam as convenções de gênero, Billy desde cedo teve um espectro de paixões variado: da bibliotecária que lhe apresentou o mundo da literatura ao padrasto, passando pelo valentão local e por sua grande amiga Elaine. Tendo realizado o desejo de se tornar escritor e vivendo em Nova York, Billy revê suas amizades e relacionamentos, mais de meio século depois, tentando conciliar-se com seus próprios desejos, e revela os meandros da questão homossexual nos EUA, ainda encoberta por tabus e preconceitos.

Os personagens transgêneros estão fortemente presentes nas paixões do personagen desde menino. Além disso, o livro também aborda a diversidade sexual e a epidemia de AIDS nos anos 80.

GEORGE - ALEX GINO

Seja quem você é. Quando as pessoas olham para George, acham que veem um menino. Mas ela sabe que não é um menino. Sabe que é menina. George acha que terá que guardar esse segredo para sempre: ser uma menina presa em um corpo de menino. Até que sua professora anuncia que a turma irá encenar “A teia de Charlotte”, e George quer muito ser Charlotte, a aranha e protagonista da peça. Mas a professora diz que ela nem pode tentar o papel porque... é um menino. Com a ajuda de Kelly, sua melhor amiga, George elabora um plano. E depois que executá-lo todos saberão que ela pode ser Charlotte — e entenderão quem ela é de verdade também.


Um livro bem recente, lançado em 2016. A história vai nos mostrar através dos olhos de uma criança trans como é viver sentindo-se preso dentro do corpo errado. A relação que o personagem tem com os outros e com como ele se sente é por vezes tocante. E causa até um aperto no peito quando percebemos a empatia que começamos a sentir por George.

A ARTE DE SER NORMAL - LISA WILLIAMSON

David Piper tinha oito anos quando foi questionado pela professora sobre o que queria ser quando crescesse. Respondeu à pergunta com cuidado. Só percebeu que havia algo de diferente em sua resposta quando os colegas começaram a dizer o que queriam ser: atriz, jogador de futebol, primeiro-ministro... Apesar disso, leu em voz alta o que havia escrito: “Quero ser uma menina". O tempo passou, David cresceu (mais do que gostaria), mas mesmo agora, aos 14 anos, continua com o mesmo desejo, compartilhado apenas com Essie e Felix, seus melhores e únicos amigos.
Leo Denton nem bem chegou à Escola Parque Éden e já ganhou os holofotes ao defender David Piper das agressões dos colegas na hora do almoço. O soco no nariz de Harry Beaumont rendeu-lhe um mês de detenção e o alerta de que está em observação, ou seja, mais um deslize e será expulso, algo que Leo precisará evitar de todas as formas. A vaga no colégio de classe alta parece ser a sua última chance na vida, o que vai livrá-lo tanto do conjunto habitacional perigoso onde mora com a mãe e as irmãs quanto dos acontecimentos que o obrigaram a trocar de escola.
Enquanto David faz de tudo para ignorar os ataques dos colegas que o chamam de show de aberrações, Leo luta para resistir aos encantos da menina mais bonita da escola, Alicia Baker. Garotas, ele bem sabe, podem se transformar em grandes complicações e neste momento não podem fazer parte de seu recém-iniciado projeto de uma nova vida. A história é contada sob o ponto de vista dos dois protagonistas, mostrando os diferentes mundos a que pertencem e o desenrolar de uma amizade muito especial.

A autora aborda o universo transgênero de uma forma muito leve, além de mostrar o cotidiano de um adolescente trans e a importância que uma amizade verdadeira tem na hora de enfrentar as dificuldades.

E SE EU FOSSE PUTA - AMARA MOIRA

E se eu fosse puta é o quê? Você, leitor, que me diz. Tem de tudo um pouco, mas, sobretudo, verdade, dessas que a gente gosta só debaixo do tapete, bem escondidinha. O dia a dia da rua, a barganha, a cama, o homem depois de gozar. Amara se vê travesti e junto descobre a vida que teria a partir de então. Puta aonde quer que fosse; fosse pra cuspir, fosse pra perguntar discretamente o preço ("tudo no sigilo, sou casado, sabe?"). Corpo que não tem lugar. Corpo que se fazia à revelia das regras, das normas. Corpo que se prestava pra sombra. Essa era eu, e eu não fazia sentido. Nem sabia aonde queria chegar. Quem me entendia? Esse livro é sobre a escolha que não faz sentido, esse livro é sobre buscar porquês. E se eu fosse puta? E se eu fosse você?

Esse livro é a realidade. Ele mostra os bastidores de um mundo repleto de preconceitos. Onde pessoas trans e travestis são tratados como fetiche, como algo que deve ser mantido em segredo, como aberrações, como um erro. Através dos olhos de Amara e sua história, vamos saber o que muitas travestis e pessoas trans passam na nossa sociedade preconceituosa. 

MEU NOME É AMANDA - AMANDA GUIMARÃES

Com mais de 245 mil inscritos em seu canal no Youtube e vídeos que alcançam mais de um milhão de visualizações, a youtuber Mandy Candy conta sua história em livro. Nascida em Gravataí, no Rio Grande do Sul, Amanda nasceu num corpo de menino do qual sempre se sentiu desconectada. Ela juntou dinheiro e aos 19 anos, com o apoio da mãe, foi para a Tailândia fazer a cirurgia de redesignação sexual. Em seu canal no Youtube, ela fala, entre outras coisas, sobre feminismo e identidade de gênero, e faz enorme sucesso entre os adolescentes. No livro, Mandy conta tudo sobre bullying, sua fase de transição e sua trajetória até se tornar uma das youtubers mais conhecidas da internet.

Mandy Candy é super famosa por seus vídeos no YouTube e, com certeza, uma inspiração pra muita gente. No seu livro, vamos conhecer um pouco mais da sua história, sua transição e trajetória até se tornar uma das maiores YouTubers LGBT do Brasil.

BEING JAZZ - JAZZ JENNING

Aos cinco anos, e com o apoio dos pais, Jazz passou a viver como uma garota. Um ano depois, ela foi entrevistada por Barbara Walters, que abordava exatamente o assunto sobre crianças trans. A repercussão foi tão grande que a pequena Jazz foi convidada para outras entrevistas e para fazer um documentário e diversas outras coisas. Nesta espécie de autobiografia, Jazz aborda toda a sua experiência na mídia e como isso foi ajudou a construir uma atitude geral com relação à comunidade transgênero. Mas as coisas não foram fáceis. Apesar de ter enfrentado muitas dificuldades, como bullying, discriminação e rejeição, ela deu a volta por cima. E hoje em dia, ajuda a conscientizar os demais e mostra sua vida como uma adolescente transgênero, sempre respaldada pelo apoio e amor incondicional de sua família.

Jazz é famosa por seu enorme envolvimento com o ativismo pelos direitos LGBT e por ser uma das mais jovens e proeminentes vozes dentro das discussões sobre identidade de gênero. Neste livro, ela aborda o desafio que é para uma pessoa trans passar pela adolescência, uma vez que as mudanças em geral são ainda mais significantes (o corpo está mudando, o interesse em relacionamentos, sexualidade...). É um livro que fala muito sobre aceitar as diferenças e sobre como é ser uma pessoa trans. Infelizmente, ainda não foi lançado no Brasil, mas há boatos que uma editora já comprou os direitos. #Oremos

Entrevista com Barbara Walters. Infelizmente, não achei legendado. =/

PARTE 1

PARTE 2

Bom, gente, é isso! Gostaram?
Se conhece mais livros trans, comenta aí. 

Beijos Literários!

2 comentários:

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA A ANTOLOGIA "VILÕES"

12:31 Helena Dias 0 Comments

Olá, seus lindos!!!

Gosta de escrever? Quer ter um conto publicado em um livro? Então, lindos e lindas, esse pode ser o seu momento de brilhar!

A Editora Sinna acaba de abrir inscrições para uma nova antologia inspirada nos vilões dos contos de fadas. O objetivo dos contos é contar verdadeira história por trás dos vilões. Quem são eles? Por que são considerados maus? Qual o motivo de agirem de tal maneira?
É a chance deles contarem o que realmente aconteceu. 


Sinopse: Espelho, espelho meu, por que ninguém pode ser mais bela do que eu?!
Era uma vez em um reino, uma princesa e um príncipe que tiveram o tão sonhado “felizes para sempre”, apesar de lutarem bravamente contra todos os obstáculos impostos pela vilã.

Dragões, maçãs envenenadas, rocas de fiar, ganchos...

Mas, quem era aquela vilã? Quem era o tão temido vilão dos contos de fadas? Muitos já se perguntaram se eles realmente eram maus, mas poucas vezes foi dada a eles a chance de contar suas verdadeiras histórias.

Essa é a oportunidade de saber que nem todos tiveram seus finais felizes. Conheça o outro lado do reino, daqueles que foram esquecidos, os terríveis vilões. Alguém disse: VILÕES?!

___________________________________________________

Mais informações

• Não deixem de ler o edital, pois possui regras importantes e que excluirão participantes. Leia aqui: https://goo.gl/CNxbZn

- Inscrição GRATUITA.
- Os contos serão recebidos até dia 21/02/2017.
- Esta antologia será publicada na Amazon e produzida fisicamente para venda na loja da Editora e com lançamento na Bienal do Rio, em setembro.
- Resultado: 07/03/2017

Muito legal, né?! Então corre.
Escreva seu conto e participe!!


0 comentários:

[PARCERIA] EDITORA SINNA

12:48 Helena Dias 0 Comments

Olá, seus lindos!!!

O ano de 2017 começa com novidades aqui no Café com Livro. E para começar bem o ano, firmamos parceria com a Editora Sinna!! \o/

Então, vamos conhecer mais um pouco dessa linda editora!!


A Editora Sinna surgiu como um sonho de tornar sonhos realidade. Depois de observar várias reclamações sobre o mercado editorial e notar como muitos autores nacionais ainda enfrentam muitas portas fechadas, a criação da Editora veio para tentar solucionar essas questões, dando aos escritores brasileiros a oportunidade de tornar a escrita uma verdadeira profissão. 
Nossa equipe preza pela qualidade, escolhe aqueles autores que realmente demonstram dedicação nesta profissão, e busca dar a eles o melhor. E o melhor para um não é melhor para outro, por isso, trabalhamos com contratos diferenciados, ajustando-os da melhor forma na relação editor-autor. 
Se você sabe que se enquadra neste perfil e busca estar em uma casa editorial profissional, procure conhecer nossas propostas e envie seu original de acordo com a formatação estipulada no site. 
Esperamos por você.

LIVROS

Agora que já sabemos um pouco mais sobre a editora, nada mais justo que conhecer alguns de seus livros.

A Herdeira (Livro 1 da Saga A Herdeira)
Katerine Grinaldi
Criada em um pequeno bairro chamado Forecast, Kate West nunca foi uma garota exatamente normal. Determinada, com segredos e um medo absurdo de se apaixonar, ela conseguia viver bem tendo apenas relacionamentos passageiros, os quais chama de R.A., mas a sua vida está prestes a mudar quando sua avó, já falecida há quatorze anos, lhe envia uma mensagem.
“Sua herança vai chegar. Aceite a mudança quando 21 primaveras completar”.
Curiosa, Kate tentará descobrir o que precisa aceitar, porém uma herança nem sempre é o que se imagina.
Em meio a rotina da faculdade, a chegada de um novo aluno e o misterioso homem de olhos azuis que sempre a salva nos pesadelos, Kate terá que lidar com os perigos que surgirão no caminho.
Descobrir a sua herança não será uma opção.

A Maldição de Gricem (Livro 2 da Saga A Herdeira)
Katerine Grinaldi
Três despedidas. Uma decisão. Sacrifícios.
Kate aceitou sua herança, porém não tinha ideia do que o destino lhe reservava. Segredos perdem seus mantos, traições despedaçam corações, versões são contadas, mas em quais acreditar? Algumas descobertas podem ser perigosas, outras deveriam permanecer enterradas e, em meio a uma situação arriscada, a herdeira precisará tomar uma decisão importante.
“De que adianta a magia, senhorita Kate, se não for para salvar aqueles a quem amamos?”. Quem pagará o preço pelas suas escolhas? Até que ponto alguém iria para viver?
Você quer conhecer a Maldição Gricem? Abra este livro e descubra...
Mas se o segredo não puder proteger, um sábio conselho lhe dou:“Finja não saber!

Na Mesma Página
Katerine Grinaldi

Giuliana Gouveia, 22 anos, moradora da Tijuca, Rio de Janeiro. Recém-formada em letras busca uma vaga como professora de português. É dedicada, possui experiência em aulas particulares....
E blá... blá... blá... Nada disso estava sendo suficiente para que Giuliana alcançasse seu desejo de ser professora. Naquele instante, seu sonho era como um jardim repleto de flores mortas ou destroçadas. Seria ela capaz de recuperá-lo?!
Seu noivo, contador bem-sucedido de uma grande rede de hotéis, acredita que só podemos almejar uma coisa na vida, no caso dele o dinheiro, e que sacrifícios precisam ser feitos para que um de seus desejos seja alcançado.
O chefe tempo parece disposto a misturar o passado de Giuliana ao presente, trazendo oportunidades para o futuro e a empresa vida vai lhe mostrar, através de um certo alguém, que talvez possamos ter tudo que quisermos, bastando que sejamos quem queremos ser.
Será mesmo que amor, sonho e sucesso não ficam na mesma página da vida?

A Acusada
Patricia Maiolini

Um bilhete, um diário, o que realmente há por trás dos alunos mais populares de um Colégio?
Aos 17 anos, Marina Moura consegue uma bolsa para realizar seu sonho do intercâmbio em Toronto, Canadá.
O que ela não esperava é que fosse obrigada a se enfiar em uma investigação para desvendar um assassinato e, menos ainda, que fosse ser a acusada pelo crime.
Todos são suspeitos. Como confiar em alguém? Será mesmo que ela é inocente? Marina conseguirá se livrar da acusação? Ou o assassino será mais esperto?
Era para ser o intercâmbio dos sonhos...

Antologia Entre Amigos
Vários autores





Amigos são capazes de cometer loucuras.
Não devem, mas se despedem. Misturam as estações e se amam. São a salvação um do outro. Fazem sacrifícios. Colorem a vida. Mostram o que realmente importa para ser feliz e, às vezes, infelizmente partem para sempre ao cumprirem suas missões aqui. Mesmo assim, a vida Entre Amigos é mais feliz.


É isso aí, gente!!
Espero que tenham gostado dessa novidade porque eu adorei.
;)

Beijos Literários!

0 comentários:

Descomplicando a Maternidade - Ariane Oliveira & Andrea Charan

18:52 Helena Dias 1 Comments

Livro: Descomplicando a Maternidade
Autor: Ariane Oliveira e Andrea Charan
Editora: Schoba
Ano: 2016
Páginas: 124
ISBN: 9788580134629




Sinopse: Descomplicando a Maternidade é o primeiro livro das mães, Ariane Oliveira e Andrea Charan. Seus perfis somam mais de 50 mil seguidores no Instagram e no Facebook e trazem dicas práticas de como deixar a maternidade mais leve. A Andrea e a Ariane embarcaram juntas no projeto “Descomplicando a Maternidade”e resolveram que levariam ao maior número de mães possíveis esse ideal. Foi aí que surgiram várias campanhas, vários sonhos (este livro é um deles) e um objetivo: convencer você a descomplicar com a gente.


[Nota Pessoal]

Toda mãe tem medo. Medo de errar, medo de críticas, medo de ter medo. São tantas neuras que quando nos vemos com um teste de gravidez e duas listrinhas na nossa frente, somados aos hormônios malucos, tudo o que mais temos vontade é de correr. E ao mesmo tempo, de gritar aos sete ventos o quanto somos especiais por termos uma vida dentro de nós, crescendo, dependendo tanto de nós. É aí que passamos a crer de verdade que tudo é meio que possível.

Quando passa esse período de graça suprema, vem um pouco mais de medo. Então é chegada a grande hora. E agora? O que fazer?

"Então, depois de chorar, de gritar, espernear e etc., entendi uma coisa: EU SOU MINHA MAIOR CRÍTICA E MEU MAIOR CARRASCO."

Esse livro nos faz ter um panorama leve, descontraído e informativo, sem máscaras, do que é a maternidade descomplicada na prática.

Eu, sinceramente, amei e me identifiquei com os textos das duas autoras. Uma das coisas que mais acontece é que ficamos completamente às escuras em relação ao pós parto. E tem muita coisa em que filtros coloridos são colocados para acharmos que, na maternidade, é tudo perfeito. Na verdade, está longe disso. É cheio de dúvidas e medos, como disse antes. Aí ao invés de você ter gente do lado para apoiar, muitas vezes se depara com um bando de palpites e críticas que te deixam sentindo um lixo. Mas esse livro vai te livrar desse sentimento com certeza!

A mensagem é simples. descomplique, o tempo voa. Aproveite, aprenda com seus próprios erros e seja feliz curtindo a grande aventura de ser mãe!


"NUNCA serei uma mãe perfeita! Serei sempre a MELHOR mãe que eu puder ser!"

O livro é pequeno, com um pouco mais de cem. Li em uma tarde. Os capítulos são curtinhos e com uma linguagem simples e descontraída. É dividido pela primeira parte, que é uma introdução escrita da maternidade descomplicada, e pela segunda, com dicas de brincadeiras caseiras que podem ajudar no entretenimento das crianças e a parte da alimentação que ajuda a descomplicar também essa terrível fase dos legumes, verduras e frutas, tornando as refeições mais lúdicas e divertidas.

A parte gráfica está muito caprichada cheia de fotos das autoras e seus filhos em brincadeiras e momentos descontraídos. A revisão é bem feita, não achei erros desse tipo. E a diagramação é simples e bonita. O tamanho das letras e a fonte utilizada são muito bons para a leitura e, apesar das páginas brancas, não cansam a vista.



A única coisa que me incomodou foi a quantidade de material selecionado para compor o livro. Achei que faltou um pouco mais de conteúdo escrito, com mais assuntos relacionados que não foram mencionados em nenhuma parte. Se não fosse por isso, o livro seria perfeito.

Em conclusão, recomendo para todas as mães e futuras mamães. Acho que terão uma leitura produtiva, além de muito divertida.

"O instinto materno é amor também, e uma coisa digo pra você, minha amiga: amor nunca erra! Amor descomplica o mundo!"


Beijos!!

1 comentários:

[Resenha Premiada] Demontale: As matadoras do submundo - Vários Autores

17:27 Helena Dias 10 Comments

Livro: Demontale: As matadoras do submundo
Autores: Alessandra Tapias, Daniella Rosa,Glau Kemp, Leandro Zapata, Lu Martinho, Luisa Soresini, Nana Lees, Patrícia L. Boos, Paulo Fabian, Samara Motta, Vanessa Corsant, Viviane Xanthakos, Geana Krause, Amanda Ágatha Costa, André Mafra, Caroline Defanti, Susana Silva, Nanda Cruzo, Edis Henrique, Francine Cândido, Géssica Marques, Jéssica Driely, Maurício R. B. Campos, Lilah Prates, Mayara F. Costa, V. K. Macedo, Daniele Oliveira, Yan Boos e Yara Prado.
Editora: Arwen
Páginas: 374
Ano: 2016
ISBN: 9788568255612

Sinopse: Era uma vez...uma rainha muito má, que queria controlar todos os reinos dos contos de fadas. Cansada dos finais felizes — principalmente das bruxas e madrastas incompetentes — resolve fazer um pacto com o bom senhor das trevas, Mefisto, para conquistar o poder de Taleland. Porém, o dissimulado demônio começa a agir sozinho, possuindo o corpo dos príncipes e transformando-os em Generais das trevas a fim de trazer o submundo aos domínios. Bestas, espíritos e criaturas infernais, começaram a aterrorizar os contos de fadas e cabe às princesas derrotar as trevas e expulsar Mefisto do corpo de seus amados, para assim salvar todo o reino. O que será que vai acontecer nesta batalha épica, onde as mocinhas terão que se tornar verdadeiras guerreiras? Conte-nos vocês! Convocamos todas as princesas dos contos de fadas para embarcar nesta aventura! Peguem suas winchesters e seus kits contra as trevas! A caçada começa agora!

[Nota Pessoal]

Demontale é um antologia nacional de contos fantásticos que se passa em um mundo mágico dominado por um senhor das trevas chamado Mefisto. Após um pacto com uma rainha má, o demônico decide agir sozinho, possuindo príncipes e os transformando em generais das trevas. A única esperança dos reinos encantados são suas princesas. Cada conto presente nesse livro narra a história de uma princesa diferente e como ela destruiu e baniu Mefisto dos reinos dos contos de fadas.

Assim que li a premissa com a qual os autores teriam que trabalhar fiquei bastante empolgada. O tema escolhido é muito interessante e, além disso, o foco em personagens femininas fortes, chama muito a minha atenção. Por isso, assim que surgiu uma oportunidade, solicitei o livro para a editora. Em adicional, os contos são curtos (de 3 a 5 páginas apenas), deixando a leitura bem rápida e tranquila.

Diferente de um livro com apenas um autor, as escritas são dos mais diversos estilos. Podemos passear entre o rebuscado e o simples apenas virando a página. Apesar de ser algo bem excitante e divertido, algumas maneiras de relatar a história não me agradaram e, por coincidência, os respectivos contos também não conseguiram me encantar, sendo, por vezes, sem qualquer emoção, envolvimento ou até mesmo um tanto infantis. Alguns autores com mais de um conto na obra tinham a primeira história muito boa, mas as demais não tinham o mesmo nível, e isso é meio decepcionante.

A diagramação do livro é linda. Arrisco dizer que é uma das mais bonitas que já vi da editora. A capa também não fica atrás. Talvez a única coisa que me incomodou foi o uso da mesma tipografia no título e subtítulo. Dá a impressão de que tem muita informação, o que não é o caso. Outra coisa que deixou a desejar foi a revisão. Tem muitos erros de ortografia e pontuação, além de palavras faltando. Isso atrapalhou um pouco a leitura, uma vez que eu tinha que reler a mesma frase algumas vezes para poder entender melhor.


Não me entendam mal, achando que eu não gostei do livro. Porque eu gostei, principalmente porque muitos dos contos fogem do padrão que já conhecemos, dos esteriótipos, do que a sociedade julga correto e essas coisas. Temos até uma mulher pirata, não uma pirata qualquer, mas a capitã do Maçã Envenenada. Olha só que f***! E a princesa exorcista?! Pois é, gente, tem muita coisa bem interessante nesses contos. E, mesmo que eu não tenha morrido de amores pelo livro, achei uma leitura muito boa e agradável. Também curtir a leveza nas histórias, apesar do tema mais dark.

Enfim... Os contos cumprem o que foi proposto, mas senti muita falta de tempero na maioria das histórias. Algumas são ótimas e prendem o leitor, mas, no geral, são bons. Consequentemente, o livro é bom. E só.

Beijos Literários!!




Opaaa... espera que não acabou não!! Tem sorteio... Isso mesmo. O Café com Livro vai sortear um exemplar de Demontale. Não precisa se assustar porque as regras são muito simples. Vamos lá.

REGRAS
• Ser inscrito no canal do Café com Livro
• Curtir a página no CcL no Facebook
• Curtir a página da Editora Arwen
• Compartilhar essa resenha em qualquer rede social, EM MODO PÚBLICO
• Preencher esse formulário: https://goo.gl/forms/FU1hBJ0JwSnEbJHp1

BOA SORTE A TODOS!!
=D

10 comentários: